6 de dezembro de 2007

Produtoras de Antivírus Falham Certificação VB100




Kaspersky, Sophos e Trend Micro não identificaram todos os vírus nos testes da
Virus Bulletin. Resultado: as três produtoras de antivírus foram chumbadas pela
certificação VB100.A VB100 é uma certificação atribuída com base em testes
laboratoriais que sujeitam sistemas antivírus de marcas conhecidas às principais
ameaças que pairam na Web. Além da filtragem de vírus e códigos maliciosos, a
certificação da Virus Bulletin analisa a percentagem de falsos positivos (casos
em que os antivírus alertam erradamente para a presença de códigos maliciosos).A
edição de Dezembro da VB100 teve por ponto de partida o “contágio” de máquinas
com 100 vírus para o Windows 2000.
No final, os responsáveis pelo estudo
apresentaram alguns nomes sonantes entre as companhias chumbadas pela
certificação VB100: o sistema da Kaspersky falhou a identificação de um vírus; o
da Sophos falhou oito; e o da Trend Micro não conseguiu detectar quatro vírus.Na
lista de chumbos, encontram-se ainda a PC Tools, com dois falsos positivos, e a
Norman Virus Control, que registou 14 falhas na identificação de vírus e seis
“falsos positivos”, informa a Vnunet.com.«É chocante, e preocupa ver um
desempenho tão pobre em tantos produtos nesta última ronda de testes. É
realmente decepcionante ver alguns dos maiores sistemas de antivírus a falharem
perante ameaças do mundo real», domentou John Hawes, consultor técnico da Virus
Bulletin. BitDefender, Symantec, McAfee, Sunbelt e Microsoft
são algumas das marcas que obtiveram a certificação VB100.



A notícia já diz tudo...

Fonte: Exame Informática

0 comentários:

Artigos recentes

Comentários recentes