2 de junho de 2008

Intel vê mercado de US$40 bilhões para chips Atom




A Intel, maior fabricante mundial de chips, vê novos mercados para seus microprocessadores Atom num valor de 40 bilhões de dólares em dois ou três anos, afirmou seu presidente-executivo ao Financial Times.
A Intel está apresentado cinco novos processadores Atom e uma coleção de chips projetados para aparelhos portáteis com acesso à Intrenet e para outros usos, à medida em que usa sua força de marketing para criar um novo mercado.

Em comentários ao Financial Times publicados nesta segunda-feira, Paul Otellini afirmou que a crescente semelhança de telefones celulares de última linha com computadores coloca a Intel numa boa posição.

Otellini afirmou ainda que espera que os novos processadores Atom comecem a aparecer em eletrônicos de consumo como TVs, laptos de baixo custo e como chips embutidos numa série de outros produtos.

"Cada um desses mercado é uma oportunidade de 10 bilhões de dólares por volta de 2010 ou 2011", afirmou.

A Intel, cujos processadores são encontrados em quatro em cada cinco computadores pessoais vendidos no mundo, teve vendas totais no valor de 38 bilhões de dólares no ano passado.

Pessima noticia para a AMD, a Nvidia já já vai apelar também falando novamente que a Intel nao presta que eles já perderam o mercado como fizeram a um tempo atrás agora a a Nvidia tem um processador para brigar com o Atom só que com caracteristicas difrentes, Atom é mais um processador mesmo com as caracteristicas normais, agora o processador da Nvidia lembra mais uma GPU pelas suas caracteristicas apesar de brigarem no mercado dos portateis, cada 1 tem sua vantagem.

AMD/ATI cade ela? aguardem a sua falencia :D

Leia Mais…

Artigos recentes

Comentários recentes